14.5.18

Generations - Tammy Cuff.jpg

Foto: Generations - Tammy Cuff

 

Não decidiste partir, mas foste-te mesmo assim. Acredito que fosses, de todos, o que menos se queria ausentar, mas de nada adiantou. Tiveste a sorte de ver cumprido um último desejo, algo que poucos terão hipótese de conseguir. Posso dizer que aí foste feliz. Não sei se terei o mesmo. Na verdade, não sei se terei tanto.

Fazes-nos falta e fazes-me falta… Aborrece-me pensar que as memórias de ti, de nós, vão ficando fracas com o tempo. Algumas dessas memórias estão a partir também. Por vezes, socorro-me de outros para não sucumbir, finalmente, a esse vazio. Conversas de “lembras-te daquela vez…” enchem-me o coração e os olhos também.

Houve quem gravasse na pele o teu rosto e quem desse teu nome a um filho. Homenagens nobres para um nobre. Homenagens para um ciclo que se queria eterno. O teu nome, nem que seja num outro, mantém-te vivo entre nós.

Esse outro que nunca te conheceu, mas que ainda ontem via fotografias tuas. Perguntou-me coisas sobre ti. Sobre como eras, como era o original. Respondi-lhe e falei-lhe de ti. Não sei se alguma vez, contudo, conseguirá perceber o que foste para mim. Para nós. Gosto mesmo de acreditar que, de alguma maneira, esse outro herdou mais de ti que apenas o nome.

O ano da tua partida foi o mesmo da chegada do teu homónimo. Propositadamente. No início e final do mesmo. Final e início de dois ciclos. Quem sabe se num lugar, que não este, vocês se encontraram e conheceram? Se lhe passaste o testemunho e avisaste da responsabilidade de carregar o teu nome? Se assim foi, obrigado. Se assim foi, então peço-te que esperes por mim nesse outro lugar. Não sei de momento o quê, mas tenho mesmo tanto para te contar. Tanto para te abraçar.

Partiste, e o aperto na garganta permanece, assim como a tua fotografia na minha sala de jantar. Amo-te. Ainda hoje e sempre.

 

Rui Duarte

 

Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 07:30  Comentar

Praia | Cabo Verde

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Equipa

> Alexandra Vaz

> Cidália Carvalho

> Ermelinda Macedo

> Fernando Couto

> Helena Rosa

> Inês Ramos

> Jorge Saraiva

> José Azevedo

> Maria João Enes

> Marisa Fernandes

> Rui Duarte

> Sandra Pinto

> Sara Silva

> Sónia Abrantes

> Teresa Teixeira

Maio 2018
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
15
16
17
19

20
22
23
24
26

27
29
30
31


Arquivo
2018:

 J F M A M J J A S O N D


2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Comentários recentes
Entendi a exposição, conforme foi abordada mas, cr...
Muito obrigada por ter respondido ao meu comentári...
Obrigado Teresa por me ler e muito obrigado por se...
Apesar de compreender o seu ponto de vista, como p...
Muito agradecemos o seu comentário e as suas propo...
Presenças
Ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: