De andreia esteves pinto a 15 de Janeiro de 2010 às 08:53
Infelizmente, constatamos frequentemente que a história aqui "relatada" pela Dora é o dia-a-dia de inúmeras famílias.

É preciso parar e reflectir!

É urgente que as famílias conversem mais, pensem mais e consumam menos!

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres