De ©Marcolino Duarte Osorio a 24 de Agosto de 2009 às 22:25
Olá, CC!
Morrer-se às própria mãos, sob os efeitos secindários da tristeza, já vi um amigo sucidar-se, e eu, bem perto bem longe, desesperado, sem nada poder fazer, para que ele não consumasse, daquela forma, o seu desprezo total, à sua própria Vida!
Ele morreu! E eu fiquei, durante tempos infindos, com o sentimento de culpa, por não o ter podido travar...!
Se o apanhasse vivo, de novo, dava-lha um estaladão e pêras, apesar de não o fazer sentir o mesmo, que me fez sofrer, durante mais de uma década!

Estou de volta, mas só para finais de Setembro é que as coisas, saúde, estarão endireitadas!

Marcolino

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres