De Anónimo a 7 de Agosto de 2009 às 18:17
Caro Marcolino:

Não imagina o quanto gostei de o ler. Acredito exactamente no que descreveu, nesse tipo de Amizade que se nos instala debaixo da pele, para todo o sempre. Genuina e cúmplice. Tal como o Marcolino, também sou uma afortunada por poder conhecer, viver, tal sentimento.
Embora o meu período de vida cá na Terra ainda não tenha a categoria do seu, revejo-me nas suas palavras e rejubilo por dentro, podendo acreditar que poderei chegar ao seu patamar e continuar a trazer algumas dessas pérolas comigo, os meus poucos amigos de sempre.
A Amizade não tem realmente explicação. Sente-se. Vive-se.

Obrigada pela partilha!

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres