De ©Marcolino Duarte Osorio a 24 de Julho de 2009 às 07:25
Quem teve a vantagem de não ser filho único, e de poder viver em comunidade, com mais um, ou mesmo mais dois irmãos, sabe perfeitamente que cada um dos irmãos, filhos do mesmo pai e da mesma mãe, apresentam sentimentos, e procedimentos, bem diversos. É dos livros, quiçá experiência própria.

Quem tem a felicidade de poder ser pai de mais que dois ou mesmo três filhos, nascidos da mesma progenitora, sabe que cada um deles é tão igual, quanto as impressões digitais, de cada um dos dedos, das nossas mãos. Também é dos livros e da experiência própria.

Belo desafio a que o lê!

Marcolino

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres