21.2.14

 

Vivemos em um mundo que se move tão rápido que poucas vezes nos perguntamos se estamos de acordo a tudo que gira ao nosso redor.

Escuto muito as pessoas falarem de ''valores econômicos'', qualquer questão é colocada nessas duas palavras, como se elas resumissem tudo o que somos ou queremos ser.

E não se pode negar a verdade, vivemos em um mundo caro e todos pensamos durante o dia e a noite em como pagar as contas, o aluguel, os seguros e tudo mais que faz parte da nossa vida.

Mas de tanto escutar ''valores econômicos'' não pensamos em outros. Não nos perguntamos nossos valores éticos, familiares, sociais, profissionais. Parece que sofremos de uma inversão de valores e não sabemos mais quais são os vigentes, como se isso fosse possível.

Valores são o que aprendemos dos nossos pais, na escola, na sociedade. E o que são valores? É bem simples a explicação, é uma coisa importante que damos a valor, convertendo ela em nossos valores. Pode ser o que pensamos da honestidade, da coragem, da ética.

O mundo parece girar e alguns tem a impressão de que o passado não importa mais,  os valores de gerações anteriores parecem não funcionar em um mundo sórdido e frio. Mas a única  coisa que nos mantém em pé é a certeza que muitas pessoas pensam como nós, acreditam que ter valores éticos e familiares são uma coisa fundamental para uma vida melhor, uma pilar fundamental para a construção de uma nova sociedade.

Talvez neste momento o mundo é tão barulhento que pensamos não existir nenhum valor além do econômico, mas existe sim, os valores que muitos de nós aprendemos ainda estão na nossa vida.

Ninguém perde os valores que um dia aprendeu,  são eles que guiam nosso passo, não o mundo. O mundo pode correr e acelerar, mas quem tem seus valores sabe muito bem que  isso é passageiro. Felizmente valores são como tatuagem, podemos usar uma roupa e esconder, mas eles estarão sempre presentes.

 

Iara De Dupont

 

Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 07:00  Comentar

Praia | Cabo Verde

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Equipa

Alexandra Vaz

Ana Martins

Cidália Carvalho

Ermelinda Macedo

Fernando Couto

Jorge Saraiva

José Azevedo

Landa Cortez

Leticia Silva

Rui Duarte

Sandra Pinto

Sandra Sousa

Sara Almeida

Sara Silva

Sónia Abrantes

Tayhta Visinho

Teresa Teixeira

Fevereiro 2014
D
S
T
Q
Q
S
S

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
15

17
19
20
22

24
26
27


Arquivo
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Comentários recentes
Muito obrigada por ter respondido ao meu comentári...
Obrigado Teresa por me ler e muito obrigado por se...
Apesar de compreender o seu ponto de vista, como p...
Muito agradecemos o seu comentário e as suas propo...
Muito linda a canção. Obrigado por compartilhar!
Presenças
Outras ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: