2.10.15

BabyAndDadSleeping-VeraKratochvil.jpg

Foto: Baby And Dad Sleeping - Vera Kratochvil

 

Sobre o tempo, a cronobiologia tem muito a dizer. Enquanto as ciências da vida estudam o onde (morfologia) e o como (fisiologia), a cronobiologia acrescenta à ciência o estudo do quando. Preocupa-se com o quando as coisas acontecem. É interessante perceber a vida interna e externa como um ciclo… os vários ritmos internos e a vida como ritmada. Olhando bem para dentro de nós, percebemos os ritmos silenciosos que nos constituem… olhando bem para fora de nós, percebemos bem os ritmos que nos rodeiam e que constituem a vida ritmada que vivemos… primavera, verão, outono, inverno - primavera, verão, outono, inverno… um ciclo. Os dados repetem-se a um ritmo constante. O dia tem sempre 24 horas e repete-se 365 ou 366 vezes por ano… o ano é composto sempre por 12 meses… a semana começa sempre ao domingo e termina sempre ao sábado… e o nosso dia? É ritmado… para a maioria das pessoas o acordar é de manhã, o trabalho é durante o dia e o sono durante a noite… porquê? A melatonina aumenta com a falta de luz… o cortisol eleva com o aumento dela… é assim que dizem os nossos ritmos internos… a maioria das pessoas está acordada de dia e dorme à noite… há sincronia entre o que se passa dentro e fora de nós. E o tempo? O que é o tempo? É um espaço virtual que é ocupado pelo que fazemos? É uma linha contínua onde se encadeia ou se encaixa aquilo que fazemos? Fica a ideia que está ligado ao quando as coisas acontecem, porque para a saúde interessa saber quando ocupamos o espaço virtual com as atividades diárias, ou quando acontecem essas atividades que se encadeiam ou encaixam nessa linha contínua.

 

Ermelinda Macedo

 

Link deste ArtigoPor Mil Razões..., às 08:00  Comentar

Praia | Cabo Verde

Pesquisar
 
Destaque

 

Porque às vezes é bom falar.

Equipa

Alexandra Vaz

Ana Martins

Cidália Carvalho

Ermelinda Macedo

Fernando Couto

Jorge Saraiva

José Azevedo

Landa Cortez

Leticia Silva

Rui Duarte

Sandra Pinto

Sandra Sousa

Sara Almeida

Sara Silva

Sónia Abrantes

Tayhta Visinho

Teresa Teixeira

Vanessa Santana

Outubro 2015
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

13
15
17

20
22
24

27
29
31


Arquivo
2017:

 J F M A M J J A S O N D


2016:

 J F M A M J J A S O N D


2015:

 J F M A M J J A S O N D


2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


Comentários recentes
Muito agradecemos o seu comentário e as suas propo...
Muito linda a canção. Obrigado por compartilhar!
Parabéns pelo blog, gostei muito da maneira como e...
Obrigado SAPO.CV!!
Olá :)Este post está em destaque no "Cenas na net"...
Presenças
Outras ligações
Música

Dizer que sim à vida - Carlos do Carmo:

 

Dizer que sim à vida - Luanda Cozetti: